Reserva on-line dos bilhetes para a Galeria dos Uffizi

O serviço de reserva baseia-se em dois pontos de informação no Palácio Pitti e nas salas de recebimento dos Novos Uffizi. .

Os pontos de informação e de reserva estão abertos todos os dias no horário de funcionamento dos museus (de terça a domingo, das 8:30 às 19:00).

Recomenda-se reservar os bilhetes com antecedência para reduzir o tempo de espera na entrada do museu dos Uffizi, evitando as filas que frequentemente caracterizam os mais importantes centros culturais da cidade.

Em alternativa, é possível comprar os bilhetes diretamente on-line, através do formulário abaixo gestido diretamente pela WAF. Os preços incluem um pequeno suplemento para a reserva, mas compreendem um serviço de assistência online para a compra e a segurança de um sistema de criptografia dos seus dados.

Uffizi

Reserve seus ingressos para visitar a Galeria Uffizi sem fazer fila! A Galeria merece ser visita com calma e conforto!

 

1. CLICCA SU UN GIORNO VERDE DEL CALENDARIO

  Disponibile    Non Disponibile

Informazioni Utili:

Agora disponível tabém um guia oficial do Museu!

A Galeria

Foi Francesco I a realizar (1541- 1587) uma galeria de arte no segundo andar do Palácio Uffizi para deliciar-se ao passear entre obras de arte, como estátuas, tapetes e coleções de pinturas da casa da familia de´ Medici (familia nobre de Florença).
Após reformas de modernização e adaptação, hoje a Galeria è uma das mais importantes do mundo, sede de coleções que contam com miliares de obras do passado rico de criatividade e fervida fantasia artística.


A Galeria reprenta o simbolo da vocação ao colecionismo e mecenatismo dos nobres da cidade, dos homens ilustres que a viveram.
Parte das coleções é resultado de encomendas das corporações de arte e profições que deram vida ao comércio de bens culturais e artísticos que fizeram de Floreça uma das capitais mundiais da arte.
Outras obra são resultados de doações diplomáticas, de antigos conventos e heraça de dinastias.


Foi a última esponente da familia de´ Medici, Anna Maria Luisa, a transformar a Galeria em ente público doando-o aos Lorena com a condição que ficasse sempre aberta ao publico.
Hoje a Galeria è uma rica herança do passado, rica de criatividade, que faz de Florença um ponto de encontro e troca de experiências entre os mais importantes artistas estrangeiros.
A entrada é posicionada do lado de levante da praça Uffizi.
Da bilheteria pode-se ter acesso a Aula de San Pier Scheraggio, unico residuo da nave central da antiga Igreja destruida para ampliar Via Ninna.
Hoje è um espaço rico de decorações de época romana e medieval, entre estes, restos de afrescos histórico-religiosos de Andrea Del Casatagno.


Voltando à bilheteria encontra-se a escada de acesso ao Scalone Vasariano, escada que conduz ao primeiro andar.
Após atraversar o hall de entrada, encontram-se as salas de exposições e consultação do Gabinete de Desenhos e Estampas
uma rica coleção de desenhos, fonte de estudo para artistas como Leonardo Da Vinci, Michelangelo, Pontormo, Vasari e outros.
E' uma das coleções mais importantes e maiores do mundo além de muito antiga; foi iniciada por Lorenzo de' Medici e continuada por seus sucessores.
Hoje em dia, infelizmente não pode-se visita-la a não ser por motivos de estudos.
Em seguida além da Biblioteca, encotram-se espaços reservados para exposições temporaneas.
Do hall de entrada encontram-se as escadas de acesso ao segundo andar, onde se situa a Galeria.
Para sermos mais objetivos e organizados dividimos o percurso da Galeria em três partes correspondentes aos três corredores que a compõe.

Museus de Florença

Pesquisar no mapa!

O que pensam as pessoas que compraram bilhetes conosco